barra-vela1.jpg

VENDÉE GLOBE 2012/13: Líderes abrandaram e os perseguidores “Virbac Paprec” e “Hugo Boss” aproximaram-se

f1virbacpaprec hpJean-Pierre Dick no “Virbac-Paprec” e Alex Thomson skipper do“Hugo Boss” diminuiram as distâncias que os separam do duo lider da Vendée Globe, Armel Le Cléac'h no “Banque Populaire” e François Gabart no “Macif” ) que abrandaram nas elevadas velocidades que traziam ao passarem por uma zona de transição de ventos leves.


Com cerca de 250 milhas para chegarem à passagem pela porta do Pacífico Oeste e a três dias de passarem o Cabo Horn, Le Cléach está à frente de Gabart por apenas uma milha e a dupla fazendo 13 e 15 nós durante a manhã do dia 27. As suas velocidades subiram um pouco, mas as perdas para os seus perseguidores vão continuar. Dick reduziu a sua distância para o líder por 180 milhas em 24 horas, encontrando-se agora a 385 milhas atrás do “Banque Populaire”, depois de ter estado a 685 milhas dele, ainda a dois dias. O britânico Thomson, recuperou 170 milhas no mesmo período e está em 4º cerca de 850 milhas atrás.
Antes de chegarem ao Cabo Horn vão passar por uma zona que está com ventos muito fracos, de 8/10 nós. Os primeiros a dobrar o famoso cabo e entrarem no Atlântico Sul, esperam ficar mais perto da vitória.
Entretanto Bernard Stamm levou o seu veleiro “Poujoulat Cheminées” para um novo local e está agora ancorado perto da isolada praia do norte de Dunedin Tairoa a sul da Nova Zelândia indicando que estava quase pronto para se juntar à regata após as reparações que fez na sua embarcação. Porém, o skipper suíço foi protestado pela Comissão de Regata, pois parece que foi ajudado por um navio de pesquisa Russo nas Ilhas Auckland, quando estava em condições meteorológicas adversas. E esta ocorrência está agora a ser investigada.