barra-vela.jpg

“Macif” afasta-se do seu perseguidor “Banque Populaire” e já leva quase 100 milhas de avanço

f2 macif hpDepois de andarem várias semanas lado a lado, François Gabart no “Macif”, conseguiu-se libertar da perseguição que lhe fazia Armel Le Cléac’h com o “Banque populaire” e afastando-se da costa do Brasil vai num rumo Nordeste para tentar sair de zonas com pouco vento e ganhar mais velocidade.

 
Os dois barcos da frente mantêm o mesmo rumo e estão experimentando um consistente vento de 20 nós de vento de Norte que pode ajudar bastante. Depois do frio e do gelo que tiveram que atravessar pela passagem pelo Cabo Horn, as temperaturas agora são muito mais agradáveis, tanto da água como do vento.
Jean-Pierre Dick, no”Virbac Paprec”, em terceiro lugar, vai a 424 milhas do líder e no mesmo rumo dos veleiros da frente. O seu perseguidor, o inglês Alex Thomson no “Hugo Boss” vai cerca de 100 milhs atrás, mas este vai num rumo mais perto da costa brasileira, à popa com ventos de Sul e a fazer 17 nós. Aliás é este o veleiro que leva maior velocidade e vai num melhor ângulo de vento para a sua ascensão no Atlântico.
O “SynerCiel” em 5º a 1.650 milhas e o Gamesa em 6º à distância de 1.820 milhas dos líderes, já passaram o cabo Horn e começaram igualmente a subir o Atlântico.